ECOX PRO alarga oferta sustentável para volumetria de 850 ml

ECOX PRO alarga oferta sustentável para volumetria de 850 ml

O número de novos utilizadores tem aumentado significativamente e todos os meses recebemos pedidos de informação de vários setores que procuram soluções mais sustentáveis, afirma Beatriz Bandeira, Business Development Manager da EcoX Pro. Os empreendedores que têm negócios nas grandes cidades como Lisboa, Porto, Braga, Aveiro e a região do Algarve já mostram estar mais conscientes para esta realidade. O setor horeca, economia social e indústria são os que mais têm procurado por soluções sustentáveis na higiene e limpeza.

A marca EcoX Pro apresenta um crescimento superior a 40% face ao ano anterior e, até ao final do ano, a perspetiva é de continuar a aumentar esta percentagem, realça Beatriz Bandeira.

 A EcoX decide assim apostar no lançamento de novas volumetrias de forma a potenciar não só a visibilidade da marca, novos formatos de 850 mL tornam o processo de experimentação também mais fácil, assim como também facilita no dia-a-dia pela praticidade e ergonomia da embalagem, para o utilizador.

A EcoX Pro é uma marca de detergentes orientada para o setor profissional. De que forma estes produtos se diferenciam?

Sim, são diferentes! Estes detergentes são produzidos a partir do óleo alimentar usado e, que tenhamos conhecimento, somos a única marca no Mundo a fazê-lo. A maioria dos tensioativos presentes nos detergentes da EcoX Pro, e que são os principais responsáveis pela limpeza, vêm da transformação deste resíduo.

Quais são os principais clientes da EcoX Pro?

Atualmente estamos mais direcionados para o setor Horeca, onde trabalhamos muito com restaurantes e principalmente com hotéis, hósteis e alojamentos locais. Trabalhamos também com algumas IPSS, em especial, Creches e Infantários. No futuro, queremos começar a colaborar com Lavandarias e Indústria Agroalimentar alternativa que são setores em que, cada vez mais, aumenta a procura por soluções diferentes na limpeza e higienização.

Recentemente a marca apostou na volumetria de 850mL para os clientes. Porquê este lançamento?

A nossa embalagem é única no mercado e facilmente identificável como embalagem EcoX. Com um formato atípico, foi desenhada especificamente para ter o mínimo de impacto possível nas diversas fases do processo, a única no mercado de 850 mL e contém 50% de plástico reciclado!

Esta embalagem permite que o produto esteja sempre devidamente identificado ao mesmo tempo que transmite uma boa apresentação dos locais onde esta é utilizada. Para além disto, a EcoX Pro fez um restyling do branding, adicionando código de cores para facilitar assim a distinção dos vários produtos/soluções, em que cada cor representa uma ação de desinfeção ou limpeza específica. 

A marca criou também o EcoXspot - um dístico que distingue os negócios mais sustentáveis em Portugal. Foi uma medida reconhecida pelos clientes? E quais são os principais setores/geografias que poderão ter interesse em aderir?

Vários parceiros nossos já aderiram à colocação deste dístico, desde Hotéis, Alojamentos Locais, Restaurantes, uma Escola de Surf e até mesmo Creches. Acreditamos que este é um ponto bastante relevante, pois é uma forma de cada local poder comunicar aos seus clientes que está a utilizar produtos sustentáveis, o que mostra preocupação em manter a sua atividade, respeitando ao máximo os fatores ambientais.

Considera que o tecido empresarial português começa a olhar mais e melhor para a sustentabilidade na limpeza?

Sim, é cada vez mais notório que as empresas em Portugal começam a ter a sustentabilidade como uma preocupação porque já não é uma opção, é o único caminho a seguir e o que tem de acontecer. Por exemplo, o mercado de alimentação vegetariana em Portugal aumentou 514% nos últimos 10 anos.

Novas exigências como a igualdade, a inclusão e a responsabilidade social passaram a impor-se como critérios de negócios, porque os próprios consumidores começam a exigi-lo e até mesmo parceiros e investidores também já o fazem. Portanto sim, cada vez mais a sustentabilidade é considerada como uma prioridade no tecido empresarial português.
Voltar para o blogue
  • A importância de higienizar as mãos

    A importância de higienizar as mãos

    A boa prática regular de higienização das mãos é vital na prevenção da propagação de infeções, com o consequente impacto positivo no combate à disseminação de doenças. Lavar as mãos...

    A importância de higienizar as mãos

    A boa prática regular de higienização das mãos é vital na prevenção da propagação de infeções, com o consequente impacto positivo no combate à disseminação de doenças. Lavar as mãos...

    Ler notícia
  • ECOX PRO alarga oferta sustentável para volumetria de 850 ml

    ECOX PRO alarga oferta sustentável para volumet...

    O número de novos utilizadores tem aumentado significativamente e todos os meses recebemos pedidos de informação de vários setores que procuram soluções mais sustentáveis, afirma Beatriz Bandeira, Business Development Manager...

    ECOX PRO alarga oferta sustentável para volumetria de 850 ml

    O número de novos utilizadores tem aumentado significativamente e todos os meses recebemos pedidos de informação de vários setores que procuram soluções mais sustentáveis, afirma Beatriz Bandeira, Business Development Manager...

    Ler notícia
1 de 2